Braquioplastia

Também conhecida como lifting de braço, a braquioplastia é a cirurgia que visa a retirada de pele ou gordura excedente da região que fica entre o cotovelo e a axila, também conhecida como gordurinha do tchau. O acúmulo de gordura e a flacidez dessa região pode se dar, pelo envelhecimento do organismo, hereditariedade, oscilações no peso, alterações hormonais ou obesidade.

Sobre o procedimento

Este procedimento envolve a aspiração da gordura localizada do braço e reestruturação da área entre a pele e o músculo, e pode ser combinado com outros procedimentos cirúrgicos, como lipoaspiração por exemplo. A estrutura da cirurgia e o tamanho da cicatriz dependem da quantidade de tecido adiposo e pele a serem retirados.
 
Em todo caso, a cirurgia está localizada em uma região mais exposta do corpo, por isso, é possível que a cicatriz fique evidente durante o período de recuperação e adaptação do corpo que pode variar entre 1 a 2 anos.
 
TEMPO DE INTERVENÇÃO

2 a 3 horas

ANESTESIA

Geral ou Local com sedação

HOSPITALIZAÇÃO

12 horas

RECUPERAÇÃO

7 dias

EFEITOS

Imediatos

RESULTADOS

Duradouros

Ainda tem dúvidas?

Envie suas perguntas para o Dr. Gilberto Cardoso

Nome E-mail Telefone Observações

Custos Incluídos no tratamento 

  • Cirurgia 
  • Anestesia
  • Revisões
 

 Resultados Esperados e Riscos


Os resultados costumam ser satisfatórios para os pacientes, a cirurgia corresponde a um procedimento simples e não costuma ter complicações, ela diminui consideravelmente o desconforto estético do volume dos braços. Os riscos incluem aqueles presentes em todas as cirurgias plásticas como, infecção, hematomas, pele irregular e com algumas depressões e até mesmo deformidade nas cicatrizes, porém, todo o processo de cicatrização depende do organismo do paciente. 


A intervenção

Utiliza-se anestesia geral ou local com sedação. Neste procedimento é feita uma incisão na parte interna do braço para dentro e aspira parte da gordura sobressalente e retira o excesso de pele para evitar a flacidez da região. O tamanho da incisão varia de acordo com a quantidade de gordura e tecido a serem retirados.


Cuidados

  • Permanecer de repouso de 3 a 5 dias.
  • É necessário atenção com a movimentação dos braços.
  • Não fazer movimentos bruscos e não levantar os braços e/ou carregar peso por cerca de 21 dias.
  • Realizar a drenagem linfática, para evitar o acúmulo de líquidos na região.
  • Fazer o uso correto dos anti-inflamatórios, antibióticos e analgésicos prescritos pelo cirurgião.
  • Utilizar malhas de compressão.
 
Será necessário ter um cuidado especial com a cicatrização, uma vez que a incisão realizada no local pode ser extensa. Nesse caso, o cirurgião responsável poderá prescrever o uso de pomadas que possam auxiliar no processo.
 
TEM ALGUMA DÚVIDA?

Perguntas frequentes

A Braquioplastia corrige o excesso de gordura localizada na região?
Isto depende da anatomia do paciente e volume de gordura localizada. Também tem grande importância, sob este aspecto, a espessura do tecido adiposo (espessura da gordura) que reveste o corpo. Dependendo do caso, poderá ser associada uma lipoescultura no local junto com a dermolipectomia.
A Lipoaspiração pode substituir a Braquioplastia?
Os dois procedimentos podem ser associados. Em algumas situações, a Lipoaspiração deixa um excedente de pele sendo preciso recorrer à cirurgia plástica. Nesse caso, a lipoaspiração retira a gordura e a Braquioplastia retira a pele excedente, deixando o braço mais firme. 
A cicatriz pode diminuir com o tempo?
A cicatriz passa por diversas fases, até chegar a cicatrização total, quando se apresenta mais clara e menor perceptível.
Os primeiros 30 dias após a cirurgia:  apresenta-se com aspecto excelente e pouco visível, porém com leve inchaço na região. Alguns casos apresentam discreta reação aos pontos ou ao curativo. 

Nos primeiros seis meses: neste período haverá espessamento natural da cicatriz, bem como mudança na tonalidade de sua cor, passando de "vermelho" para o "marrom", que vai, aos poucos, clareando. Este período, o menos favorável da evolução cicatricial, é o que mais preocupa as pacientes. Como não se pode apressar o processo natural da cicatrização, é recomendado aos pacientes que não se preocupem, pois com o tempo e evolução na recuperação do paciente, os vestígios cicatriciais irão regredir. Nessa fase é importante que não haja exposição solar da cicatriz para esta não ficar definitivamente escura.

De 6 a 12 meses após o procedimento: neste período, a cicatriz começa a tornar-se mais clara e menos consistente atingindo, assim, o seu aspecto definitivo. Qualquer avaliação do resultado definitivo da cirurgia do braço deverá ser feita após este período.
 
Esta cirurgia deixa cicatriz aparente?
A cicatriz resultante de uma Braquioplastia ou Lifting de braço localiza-se próxima à prega axilar (dobra da axila). Quando há grande excesso de pele também é necessária uma cicatriz vertical estendendo-se posteriormente ao braço, a qual apresentará maior ou menor extensão dependendo do volume de pele excedente a ser corrigido.
 
VER TODAS AS DÚVIDAS